Genice Maria Nogueira Lordêllo
Salvador / BA

 

 

Retorno

 

Mar de águas abissais
P   r   o   f   u   n   d  a  m  e  n  t  e belo
Terras sem fim
Procurava e não
encontrava...
Mesmo navegando por horas
Mesmo passando por
Correntes e trovões era
inútil...
Era preciso voltar a terra
firme e aceitar o retorno...
Não deixaria nunca mais seu
porto seguro...
Era mesmo tão próximo,
Tudo estava ali tão perto e
não via...
Mas voltou

 

 

 

 

 

 
 
Poema publicado no livro "Versos nossos que vencem as Severinas" - Março de 2018